• Pinterest - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2019 Grávidas e Antenadas - Desenvolvido por PaAz Marketing Digital Express

  • Patricia Azevedo

AS MELHORES MAMADEIRAS DO MERCADO

Atualizado: 27 de Ago de 2018

Sempre recebo emails das mamães me pedindo indicação de qual mamadeira comprar, resolvi preparar essa matéria falando sobre as melhores mamadeiras do mercado, tanto para quem vai comprar por aqui (no Brasil) ou para quem vai fazer o enxoval lá fora.


A #amamentação é muito importante e eu sou super a favor, mas a realidade, principalmente da mãe que trabalha e precisa voltar da licença, é que a #mamadeira precisa em algum momento ser comprada para auxiliar na alimentação do bebê. Continue lendo… As #mamadeiras de plástico favoritas de muitas mamães são a Avent e a Dr Brown, e o engraçado é que elas são bem diferentes: o bico da #Avent é do estilo mais largo, e o da Dr Brown mais fininho. A Dr Brown tem também um tubo extra, tipo um canudo, que fica dentro da mamadeira. A função é diminuir #cólica, mas a desvantagem é ter uma peça a mais para lavar.

Esse é o modelo com o bico pétala, para que o bebê possa abocanhá-lo como se fosse o seio, facilitando a amamentação pelo seio e pela mamadeira.


As Mamadeiras clássicas Dr. Brown possuem uma válvula que impede que o bebê sugue ar enquanto #mama, evitando que ele tenha cólicas, gases e refluxos. Se você prefere a mamadeira de vidro, não deixe de comprar uma capa de silicone (essa ai da foto abaixo) para eliminar o risco de quebra em caso de queda.


Outras opções boas de mamadeiras: Tommee Tippee, Chicco e MAM continue...



A Tommee Tippee possui um design especial que facilita a pegada e um bico especialmente desenvolvido para se parecer com o seio materno. Além disso, tem duas opções, com e sem válvula. Esta válvula é outro atributo fantástico da Tommee Tippee. Ela retira todo o ar e impede que o #bebezinho engula ar ao mamar, evitando assim as temidas cólicas.


As mamadeiras Chicco Step Up imitam os seios da mamãe. Para isso, os anéis em relevo ajudam a criança a posicionar a língua para espremer o bico de silicone para ingerir o líquido. Prática e higiênica, a mamadeira com base larga facilita a esterilização e prolonga a vida útil. E separei este vídeo mostrando como funciona a mamadeira #Chicco Step Up, assista e aproveite e assine nosso canal. ; )


[embed]https://youtu.be/FyunL_FqUms[/embed]


Agora se tem uma mamadeira que achei incrível quando lançou no mercado, foi da marca B. Box (importada), super prática essa mamadeira tem porta Fórmula acoplado, um recipiente de rosca em seu fundo onde você pode acondicionar o pó da fórmula para #passeios.



Veja como funciona no vídeo abaixo: [embed]https://youtu.be/V057Cd7GRJ4[/embed]


E esse modelo da MAM - Foi o que a minha filha mais se adaptou, levando em consideração claro, que cada criança se tem sua própria adaptação.



As mamadeiras da MAM, foram as únicas que na época que desmamei a Madú me salvaram, eu fui fazer o enxoval em Nova York e comprei o kit da Avent da Philips e outro da Tommee Tippee, e na hora H, foi este modelo acima (que acabei comprando aqui no Brasil) que a Madú pegou. Veja aqui minha experiência no desmame da Madú. Bom, falando da MAM esse modelo possui um sistema que se aproxima bastante da amamentação materna, proporcionando um conforto natural ao bebê, pois o mesmo extrai o leite de maneira rítmica e natural. Além disso, graças a presença de uma válvula na base do frasco, o produto permite a entrada de ar e evita possível formação de vácuo, reduzindo as chances de ingestão de ar pelo lactente e minimizando as cólicas. Lembrando que a amamentação é fundamental para o desenvolvimento da criança. Segundo recomendação da OMS (Organização Mundial de Saúde) o bebê deve ser alimentado pelo aleitamento materno, por no mínimo 6 meses. A mamadeira é um instrumento que vai auxiliar na alimentação do bebê em crescimento, além de servir como alternativa à amamentação natural. Pode ser utilizada com líquidos como: leite, fórmulas, chás, sucos e até papinhas ralas; de forma segura e confortável. Com muitas tecnologias incorporadas como os bicos fisiológicos, válvulas anti-cólica e anti-respingo, são indispensáveis para o enxoval do bebê. Antes de adquirir qualquer mamadeira, atente-se a faixa etária indicada, ao modelo, às características e também ao tipo de bico. O fator mais importante na escolha da mamadeira é o tipo de bico. Hoje em dia as melhores mamadeiras usam bicos feitos de silicone, melhor do que o antigo látex! Mas o formato do bico muda bastante, mesmo entre as melhores marcas, então você precisa decidir qual formato o seu bebê vai se adaptar. Para quem vai amamentar, o ideal é usar uma mamadeira com bico que imita o formato do seu mamilo. Cada mãe é diferente, então a escolha é pessoal, mas em geral as consultoras em  lactação recomendam o uso de mamadeira com bicos largos, porque eles ajudam o bebê a aprender o jeito certo de sugar.


Outra consideração na escolha da mamadeira é o tipo de material: vidro ou plástico. Os modelos de plástico devem ser certificados BPA-free. BPA é um material químico encontrado em alguns plásticos e até pouco tempo em todas as mamadeiras. Quando o plástico fica quente (como por exemplo, no esterilizador ou aquecedor de mamadeira) esse químico "vaza" e contamina o líquido que está dentro da mamadeira. As melhores marcas hoje em dia são BPA-free porque desde que a começou a polêmica sobre o BPA ninguém aqui mais compra se não for. Muitas mães começaram até a usar mamadeiras de vidro para não ter risco. Eu acho que isso é uma escolha pessoal, mas o vidro tem a desvantagem de ser mais pesado e o risco de quebrar, mas por outro lado é mais fácil de limpar!


Bacana a matéria né? Espero ter ajudado você na escolha. 


E se você tem alguma dica de marca que não apareceu aqui, mande nos comentários e ajude outras mamães. bjs


E aqui você encontra alguns modelos. Fontes : mamaeadora , Avent Philips, MAM, paulalaffront , Chicco e imagens Google.


72 visualizações