• Patrícia Azevedo

CASA NATOCA MOSTRA VIRTUAL DE DECORAÇÃO E DESIGN


EDIÇÃO REFÚGIOS, NA PATAGONIA

16 DE JANEIRO A 11 DE ABRIL DE 2021

ONDE COMEÇA A HISTÓRIA


A Casa NaToca, edição “REFÚGIOS”, no vilarejo de Futaleufú, na Patagonia chilena, onde a modelo Pati Beck e o fotógrafo Gustavo Zylbersztajn estão construindo um sonho, batizado de MAPU, ou “terra” na língua dos índios Mapuche. Um lugar mágico, às margens do lago Lonconao, e cercado pela natureza intocada da região.


E é aqui, no lar de Pati e Gustavo - e dos filhos Ben e Cora -, que a nossa história começa, com o desafio de mesclar imagens reais e virtuais.


Apertem os cintos, aumentem o som e boa viagem!


Espaço Snake


Quarto das primas

O sonho de toda criança: um quarto dedicado à reunião dos amigos, para fazer bagunça e brincar até a hora de ir para a cama! Aqui, a ideia foi criar um espaço para Ben e Cora receberem as duas primas, de 5 e 7 anos.


O ambiente de 14m2, planejado pela arquiteta Isabela Iung Simis, traz uma beliche quádrupla, inspirada nas “couchettes” dos vagões de trem, em um clima de alojamento de colônia de férias (Marcenaria Kids).


Ao fundo, o papel de parede de folhagens e flores foi desenvolvido pelo ateliê da Nina Moraes, que também montou o enxoval, criou imagens de colagens com fotos da família, devidamente emolduradas (lançamento da marca), e bolou um mapa imantado e com elementos interativos, colado ao lado do painel pegboard.


“Como a família gosta muito de viajar, o ateliê reproduziu nele as cidades por onde passaram em suas aventuras. Assim, as crianças vão poder compartilhar essas lembranças com os amigos”, explica Isabela.

O forro do teto e do piso foram mantidos em madeira natural, material também dos móveis e acessórios da Baobá Pitucos (mesinha e cadeiras, porta-livros, régua de crescimento, ganchos, cesto de brinquedos, quadrinho iluminado, objetos decorativos).


Para completar, lindos pendentes no teto, de fibra natural – tipo cestas -, da Monica Cohen, desenham uma luz suave, e os quadros (feitos pelas próprias crianças) emolduram folhas do jardim.


3D STUDIO @kleevisualstudio

PARCEIROS @marcenariakids @monicacohenluminarias


Sala de Convívio

Para unir o conforto e as necessidades da rotina da família Beck-Zylbersztajn, a arquiteta Maria Rita Cappellano apostou num ambiente versátil, com uma bancada de trabalho orgânica, com alturas diferentes para incluir os pequenos – assim, enquanto os pais trabalham, os filhos podem fazer pesquisa, desenhar, tudo ali do lado.


A partir dessa marcenaria, toda moldada em pínus, surge o desenho de um banco de leitura, colado ao vidro, com a incrível vista da natureza. Na parede ao lado, papel com imagem de mapa da marca argentina Enamoradas del Muro.

Conceitos da educação montessoriana e pikler inspiraram o ambiente, que traz elementos para incentivar atividades motoras e a autonomia das crianças. Por isso, Maria Rita apostou em uma copinha de apoio, perfeita para instigar a família a preparar um lanche juntos. Há ainda um canto com ares de ateliê, sob medida para colocar a mão na massa, com tintas, recortes de colagens, e a prancha de equilíbrio de madeira (Olly).


Uma toca formada embaixo da escada e camuflada pelas cordas, junto com um túnel, um painel sensorial nas paredes e espelho compõem esse ambiente lúdico. E para deixar a diversão mais completa, subam até o mezanino, com o maxi tricô (Hygme) no piso, muitas almofadas espalhadas para descansar e ler, e cordas (Srta Galante) fazendo a função de guarda-corpo. Tapete da El Espartano.


3D STUDIO @kleevisualstudio

PARCEIROS @ollytoys @enamoradainterioresfelices @hygme @gustavozylbersztajn @elespartano.br @srta.galante e @srta.galantedecor


Loft Gêmeos


Os gêmeos ocupam o mezanino, com duas camas “cabaninhas” estilo casinhas na árvore, encaixadas na marcenaria, e forradas com as estampas dos papéis de parede da Enamoradas del Muro.


Dani e Guto determinaram uma paleta de tons harmônicos, como o rosa-nude, mostarda, terrosos e destacaram a escada metálica, com estrutura vazada, que funciona como o ponto central da casa, separando o espaço do casal da área social, sem interromper a luminosidade e integração entre os ambientes. Poltrona de couro e mesas de cerâmica do designer Giacomo Tomazzi.

A cabana de cerca de 65m2 foi pensada para um casal na faixa dos 40 anos, com filhos gêmeos de 6 anos. Para reforçar o tom de simplicidade e conforto, Dani e Guto Amorim, da Grão Arquitetura, privilegiaram matérias primas que exigissem pouca manutenção, como a madeira em tom claro que dá forma às paredes, intercalada com cerâmicas e texturas naturais (Studio Passalacqua).


A valorização de momentos de contemplação norteou todo o projeto, que ganhou uma rede fixada na janela e muitos pufes gostosos de tricô, sob medida para se jogar (HOP) e ler um livro.


A cama do casal e o sofá (ambos da Trama Casa, com o lançamento da cabeceira xadrez) foram posicionados estrategicamente de frente para janelões que emolduram a paisagem selvagem da Patagonia.

Quarto da Cora

Na vida real, Cora acaba de nascer para completar a família de Gustavo, Pati e Ben. No mundo virtual, ela ganhou um quarto de 12m2 dos mais acolhedores, recheado de madeira, algodão, linho, palha, rattan e muito verde.


A marcenaria, com um design leve, quase invisível, foi criada pela arquiteta Tatiana Machado (à frente da Elefante Design), com um cantinho de descanso, leitura, amamentação e contemplação, tudo isso com direito à bela paisagem emoldurada em grande estilo.

É ali que ficam colchonetes sobrepostos (da Uauá), perfeitos também para espalhar no chão e virar espaço de brincadeiras. No futuro, esse nicho pode ser adaptado para virar a caminha de Cora. Tirando partido do pé direito alto, Tati fixou prateleiras como um roda-teto, apoiando ali vasos de plantas, livros e quadros, em uma composição descontraída.


O bercinho de rattan fica no centro do ambiente, com uma tenda de linho (ambos da Coelho na Lua). Lindo o papel de parede com inspiração nas pedras típicas da região! Foi batizado com o tema da mostra, “Refúgios” – lançamento da Uauá, que ainda desenvolveu tapetes de algodão e vinílico, trocador, almofadas, quadros e um móbile de acrílico, de grandes proporções. Presa na parede, a peça se transforma em uma peça lúdica e decorativa, estimulando a criatividade e imaginação.


3D STUDIO @kleevisualstudio

PARCEIROS @coelhonalua


Quarto do Ben


Ben, de 3 anos, é o dono do pedaço de 12m2, com área para brincar, ler e dormir. A arquiteta Bianca Assuf desenhou uma estante leve e assimétrica, com direito a módulo em forma de casinha/foguete e baús divertidos, com rodízios, para armazenar os brinquedos.

Tudo isso ao alcance do pequeno, o que torna a tarefa de organizar parte da diversão e também um incentivo para que a criança participe nas tarefas do dia a dia. A cama com trama azul na cabeceira e nos pés, da Triete, leva cor ao ambiente, assim como o verde das mesas e cadeiras da mesma marca.

O enxoval, papel de parede, pôsters e caixas forradas, tudo da Mandarine, trazem um mix de estampas geométricas, além de retratar os animais da região, a data de nascimento do Ben, mapa, selos e imagem de rosa dos ventos fazendo referência ao estilo viajante e aventureiro da família.


Ben tem ainda uma mini oficina mecânica (Coelho na Lua). A arquiteta tirou partido dos materiais simples e rústicos, deixando a estrutura aparente de madeira, criando um mezanino com lugar para arte, pintura e exposição de desenhos, e também um canto de leitura com nicho para relaxar, junto ao janelão – atividade que Ben adora.


3D STUDIO


@kleevisualstudio


PARCEIROS


@triete_ateliedemobiliario

@coelhonalua


Banheiro Kids

O convite aqui é tomar um banho olhando o céu. A arquiteta Andrea Maximo, junto com sua equipe do Estúdio Asas, cobriu de vidro boa parte do box e incluiu um brise delicado entre as janelas e a claraboia, para controlar a entrada de luz.


O box semi aberto facilita a movimentação de pais e filhos na hora do banho, e a estrutura metálica, que serve de moldura para o vidro, faz as vezes de toalheiro e puxador. Como o Ben e Cora são bem novinhos, foram pensadas soluções diferentes para atender à dupla.

“Buscamos incentivar a autonomia, com a escadinha sob a pia, ganchos e espelho em alturas mais baixas e apoio para banheira e bacia, facilitando o acesso. Uma ampulheta no box ajuda no controle do tempo e lembra sobre a importância de economizar água” conta Andrea.

Sobre a bancada, uma pequena banheira se transforma em trocador e, futuramente, quando a Cora crescer, servirá de baú. O aconchego fica garantido com a escolha da madeira clara como revestimento, o tijolinho branco e ladrilho hidráulico verde, tendo como base o piso em tom de concreto.

3D STUDIO @vr.ound


Loft Casal com Bebê


O ponto de partida para a arquiteta Nina Zamith foi o mix de texturas naturais, desenhando esse loft de 45m2, sob medida para abrigar com todo o conforto um casal com um bebê recém-nascido. Toda integrada, a cabana ganhou tons suaves, que pontuam e delimitam cada ambiente.

No espaço do casal, os neutros aparecem nas tonalidades do cru, off white e areia; e para o bebê, já surge o verde (que começa como pano de fundo pro espelho oval), ao lado de uma paleta terrosa, que traz aconchego.


Além disso, uma estante vazada torna o banheiro mais privativo, funciona como biombo e armário improvisado. Os elementos naturais e a forte conexão com a natureza ganharam destaque em diversos pontos.

Tem papel de parede estampado de insetos (Mama loves you), móbile de folhas, pedras empilhadas, moisés em junco (Mundo Bio). A poltrona de amamentação inova: é um balanço pendurado no teto – um charme!


Uma boa sacada foi a escolha da pia de pedra sabão, que pode funcionar como banheira pro bebê – o material mantém a temperatura da água por mais tempo.


A escadinha, usada para dispor produtos, faz uma referência às lúdicas casinhas na árvore, assim como os quadrinhos emolduram imagens da fauna local (Enquanto eu cresço).

Já o hall de entrada virou o “cantinho do explorador”, com as botas e ferramentas prontas para as caminhadas pela região: “Coloquei ali tudo que eles precisam para sair e ainda deixei pendurado um punhado de galhos… É essa a vibe simples e natural dessa família e desse lugar lindo”, diz Nina.


3D STUDIO


@kleevisualstudio


PARCEIROS


@enquantoeucresco

@mimuutissu

@elespartano.br

@_mamalovesyou

@mundobiobr


Loft Casal com Filha

Os hóspedes mais frequentes dessa cabana de 45m2 – batizada de “Focas lodge” – são um casal de documentaristas brasileiros, na faixa dos 40 anos, e sua filha de 7 anos. Entusiastas do ecossistema local, a família frequenta o Mapu para pesquisar a fauna da Patagonia, além de, claro, descansar e curtir longas caminhadas pela região.


A arquiteta Carmen Zaccaro criou então para eles um loft relaxante (45m2), em tons de cinza e rosa, além de cores contrastantes pontuadas nas obras de arte com curadoria da Gam Molduras.


No térreo, ficam as salas de estar e jantar, o banheiro com teto verde, a cozinha com armários suspensos e portas de madeira e vidro – e prateleiras deixando os utensílios à mostra -, além de um pequeno home office. Tudo integrado e desenho de Carmen, expert em marcenaria.


Uma escada tipo “casinha na árvore” dá acesso ao mezanino, onde estão os quartos, com a cama baixa, tipo tatame, de casal, posicionada estrategicamente ao lado da janela. Para não interferir no visual, as cortinas são de gaze de linho (Lutèce), fluidas, trazendo um clima aconchegante.

No canto da filha, a cama-casinha encaixada no armário (desenho da Canto de Dormir, marca da Camen) e um charmoso balanço fazem a alegria da mini hóspede. Com exceção do piso do banheiro (tijolos rústicos no mesmo tom rosa seco da cozinha), de pastilhas de cerâmica, nenhum material frio foi utilizado.


Carmen lançou mão de madeira freijó, cimento queimado e tijolinhos rústicos. “Ao invés de paredes, preferi painéis deslizantes de madeira e palhinha para delimitar a área do banho. Adoro também a claraboia do teto inclinado, que deixa a luz natural entrar e, à noite, dá pra observar o céu e as estrelas desse lugar tão especial, onde a natureza ainda é soberana”, pontua Carmen.


Tapetes de fibras naturais e peças de design nacional definem ainda as escolhas que compõem cada cantinho do Focas lodge.


3D STUDIO


@CDGviz


PARCEIROS


@gamarteemolduras

@lutecepurolinho

@anguloiluminacao

@carollis.atelier

@canto_de_dormir


Loft Casal e Dois Irmãos


A cabana de 45m2, pensada para abrigar um casal com um filho de 4 anos e uma bebê de 6 meses, é um ambiente verde, com pegada botânica, no tom e clima da Patagonia.


O projeto das arquitetas Julia Varon e Isadora Vaz (Forma 011) privilegiou uma base de madeira – carvalho claro e carbonizada – para destacar as estampas de flores, animais e plantas que estão por toda parte.


A sala reúne lareira suspensa, sofá sobre tatame baixinho e um charmoso papel de parede com colagens de estampa botânica, demarcando a área da cozinha integrada – com direito a um painel de vidro acima da bancada de dekton, recortando a paisagem em uma vista panorâmica.


No banheiro, a presença da cor fica mais evidente, com um forro de lambri tingido de verde “seco”, se destacando com cabideiros e um suporte para pequenos objetos. Subindo a escada (a cabana tem um pé direito de cerca de 5m), o quarto da família foi desenhado no melhor estilo “tudo junto e misturado”, para pais e filhos conviverem com conforto.


Os móveis são da Miúda Mobília – no quarto adulto, predominou a madeira clara da linha Trevo, enquanto na “ala” infantil a Pé de Meia une o freijó a detalhes coloridos. A marca mineira acaba de lançar a cabeceira versão adulta Trevo, de madeira e palhinha, e ainda a cômoda Pé de Meia em tamanho maior.


O papel de parede tem desenho de animais silvestres e as almofadas fazem parte da linha Paradise – novidade da Sheepy, de onde são ainda o enxoval, pôsteres e tapetes.


3D STUDIO


@_aMora3d


PARCEIROS


@lulu.and.co

@luluefrufru

@bixitubrasil


Brinquedoteca

A imagem que se tem do ambiente de 20m2, criado pelas arquitetas Thaynã Fornaciari e Fernanda Ziemann, é o de uma grande caixa de madeira clara, ripada, com visual limpo. Há três níveis diferentes, mas todos conectados por sacadas, escadas e escorregas, revestidos de pinus com diferentes texturas e tramas, desenhando um efeito visual dos mais interessantes.

Uma grande pintura de árvores e animais típicos da região, assinado por Juliana Bernabó, cobre uma das paredes. No térreo, a ideia foi deixar o espaço mais livre para as brincadeiras. É ali que ficam os móveis da minicozinha, composteira e jardinagem – lançamentos do Estúdio Minca, marca de Thaynã.

No segundo nível, tem a estação de “pesquisa/laboratório” para os pequenos desbravarem os materiais “catados” nas redondezas, como folhas e pedras. De lá, um grande escorrega em curva desemboca numa piscina de almofadas em forma de folhas.

Em cima, fica o convite à observação e ao relaxamento. Por uma rede protetora, dá pra ver (e se jogar) os espaços embaixo, e ainda o céu, através da claraboia. “A gente queria dar a percepção de que tudo está inserido dentro do mesmo universo orgânico e fluido. Procuramos expressar isso no layout, onde os ambientes se conectam e a brincadeira se espalha por toda parte”, conclui Fernanda.


3D STUDIO


@studio.oito


PARCEIROS


@estudio.minca

@julianabernabo


Ateliê Infantil

O objetivo aqui é fazer os pequenos soltarem a imaginação em um ateliê repleto de cores e texturas, incentivando o manuseio de argila, terra, pedras, folhas, tintas ecológicas e retalhos de tecido. Esse espaço lúdico, de 10m2, foi tingido com uma paleta de azul, rosa velho e amarelo mostarda – misturada com diferentes tonalidades terrosas.


A arquiteta Julia Landeiro desenhou uma grande bancada em corian azul claro, repleta de compartimentos e nichos, com uma cuba na altura acessível aos olhos dos pequenos – inspirada no método Montessori.


A famosa bobina de papel para desenhos foi substituída por um grande rolo de tecido suspenso e chamam atenção também os pêndulos em acrílico, que se destacam junto à janela.


“A transparência deste material permite muitos meios de interação. Os pêndulos servem também para que as crianças possam se pendurar e levá-los até o piso, testando o equilíbrio em uma gangorra divertida”, explica a arquiteta.

A mesma textura aparece no tampo da mesa retrátil (ela pode ser recolhida e encaixada no painel) e nas cadeirinhas – ambas criações de Julia. Para completar, o painel pegboard (em leve degradê tingindo a madeira), e lousa em formato de árvore com uma copa de madeira que funciona como um varal para expor as obras dos mini artistas. Há ainda a parede com pintura artística, criação de Catarina Thomaz (Nossa Bossa) especialmente para o espaço.


3D STUDIO


@studio.oito


PARCEIROS


@nossabossa.art

@ollytoys

@ateliermariaflorzinha


Fotos: Natoca


Faça um tour 360° no site casanatocavirtual.natocadesign.com.br

59 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Pinterest - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

Grávidas e Antenadas - Patrícia Azevedo CPF 258835688-58 - Rua Severino Vilar Filho, 218 - São Paulo/SP Cep 05127-110

Whatsapp 11-99269 0363 - Horário de atendimento Seg. à Sábado das 9 até 18h

Prazo de Despacho de 1 dia útil e prazos de acordo com a localização.

Políticas de Entregas e Devoluções

© 2019 Grávidas e Antenadas - Desenvolvido por Digital Expresso